28 de outubro de 2008

A cerimônia!

Como todos sabem, minha cerimônia, à princípio, por exigência de mommy teria que ser católica. No entanto, padres não celebram casamento fora da Igreja. Após muito procurar, resolvi seguir minha intuição.

Nossa primeira data de casamento seria 18 de outubro, dia de São Lucas. Assim sendo, fui procurar a paróquia de São Lucas no Rio e qual não foi minha surpresa ao descobrir que era a Igreja Anglicana. Peguei o telefone e liguei. Fui atendida pelo próprio Reverendo Eduardo. Após alguns minutos de conversa já tinha me decidido. Ele me passou tudo por email e já deixamos marcado nosso primeiro encontro.

De lá até o grande dia foram uns 5 ou 6 encontros regados a chimarrão (pra ele) e muito papo bom. Era sempre aos sábados lá em Botafogo, na própria Igreja. Tivemos ainda a alegria de vê-lo celebrar o casamento de uma de minhas maiores amigas: Ana Paula.

Semanas antes do nosso casório, estivemos lá acertando os últimos detalhes e ouvindo os sempre sábios conselhos de nosso Reverendo-amigo. Saímos com a certeza de que teríamos uma cerimônia só nossa, para a gente e sobre a gente.

Mas foi muito, muito, muito melhor do que poderíamos imaginar. Ao darmos as mãos de frente ao altar, olhamos nos olhos dele e seu sorriso nos acalmou. O chafariz atrás dele despertou com as luzes azuis ao fundo criando uma atmosfera de conto de fadas. Era inacreditável. Ele fez a cerimônia tradicional de maneira leve e tranquila. Todos prestaram atenção e se emocionaram com suas palavras.

Mas o Reverendo Eduardo não podia deixar por menos. Ele mencionou de maneira bem delicada e profunda a parte da Gênesis que eu tanto achava importante ser falada: a criação da mulher. E soube ligar aos Coríntios também nas minhas passagens favoritas.

Mas ainda tinha mais. Ele contou pra todo mundo um pouco do que ele aprendeu sobre a gente nos nossos encontros. Aquilo que nós deixamos marcado nele. Disse que somos um casal maduro e que sabe o que é o amor. E pra finalizar, nos presenteou com uma música lindíssima, que por muito pouco me fez chorar.

Só mesmo o Reverendo Eduardo para nos acalmar e nos manter sorrindo o tempo todo. Só ele para aceitar o "Yes" do Bernardo na hora do sim com uma gargalhada. Só ele pra sussurrar os votos em nossos ouvidos enquanto nos olhávamos com os olhos cheios d'água.

Deixo vocês então com a música, surpresa emocionante do nosso Reverendo Eduardo. We'll be forever grateful...

Perhaps love
Perhaps love is like a resting place
A shelter from the storm
It exists to give you comfort
It is there to keep you warm
And in those times of trouble
When you are most alone
The memory of love will bring you home

Perhaps love is like a window
Perhaps an open door
It invites you to come closer
It wants to show you more
And even if you lose yourself
And don't know what to do
The memory of love will see you through

Oh, Love to some is like a cloud
To some as strong as steel

For some a way of living
For some a way to feel

And some say love is holding on
And some say letting go
And some say love is everything
And some say they don't know

Perhaps love is like the ocean
Full of conflict, full of pain
Like a fire when it's cold outside
Thunder when it rains
If I should live forever
And all my dreams come true
My memories of love will be of you

And some say love is holding on
And some say letting go

And some say love is everything
Some say they don't know

Perhaps love is like the ocean
Full of conflict, full of pain
Like a fire when it's cold outside
Or thunder when it rains
If I should live forever
And all my dreams come true
My memories of love will be of you

13 comentários:

Muriele Binow disse...

Nossa deve ter sido linda, vc entrou com a sua mae?
que legal, bjokas!

disse...

nossa flor, lendo seus posts cheguei a ficar com os olhos cheios d´agua... vc foi realmente incrível conseguindo não chorar... queria mto conseguir isso, mas seu que vou acabar chorando no dia do meu casamento... volto pra continuar vendo suas novidades... bjos

Suelen disse...

é emocionante mesmo, fico fazendo um filme na cabeça com seu relato...bj

Caroline disse...

Leio seu blog há algumas semanas e tenho me emocionado muito com ele e com a maneira como você consegue descrever (exatamente) aquilo que sentimos nesta fase da vida.
Vou me casar daqui 19 dias e são todos estes os sentimentos que temos!
Muitas felicidades para vcs nesta nova vida!!!
Ah, e eu adoro esta música, deve ter sido realmente perfeito!
Beijos

Coisas de casal disse...

Lindoooooooo, conta mais e posta mais fotos, estamos curiosas rsrsrs.bjs

Binha disse...

Cris, que linda que deve ter sido.. com certeza valeu a pena seguir seu coração.
Bjs

Mari & Val disse...

Nossa Cris, deve ter sido simplemsnte perfeita, acredite...chega fiquei com um friozinho na barriga lendo seu post. Imagino quando chegar meu dia.

Bjks!!!

Vanessa e Fernando disse...

Chris, que lindo deve ter sido seu casamento!!! Parabéns! Conte mais pra gente... e mostre mais...rsrsrsrs... seu vestido estava lindo! Bjos

Anna e Josimar disse...

Lindo Chris!!!
Posta fotos para vermos!!!
Bjs!!!

Priscila Verissimo disse...

Nossa Chris... me emocionei!!! Sua cerimonia deve ter sido muito linda mesmo!
Felicidades!

Paola disse...

Chris, fiquei sonhando com sua cerimônia. Achei maravilhosa. E aquilo que vc falu da fonte? Eu quero tbm!!!
Parabéns! E coloca fotos pra gente ver!
beijos

Sil & MP disse...

Estou acompanhando com muita alegria seus post sobre o seu casamento. Realmente, chega a emocionar! Continue contando todos os detalhes. Beijos e felicidades!

Juliana Fiorin disse...

Chris, que lindo!!!!! Parabéns e desejo a vocês muitas felicidades!!!

Beijos