22 de novembro de 2008

Agradecimentos

Depois de um loooongo sumiço de quase 20 dias (sem internet na casa nova ainda), voltei para os agradecimentos.



À Deus
Porque todos os dias eu agradeço por tudo e peço para ser sempre sábia.

À minha mãe
Que sempre esteve a meu lado e me apoiando em tudo. Foi ela que quebrou o gelo entre mim e o Bê no primeiro dia que demos um beijo, foi ela que me aturou de mau-humor nos dias de briga, foi ela que enxugou todas as minhas lágrimas nos 5 meses que ficamos longe um do outro, foi ela que bancou ($$$) a minha festa de princesa... Porém, acima de tudo, porque foi ela que me ensinou o que é o AMOR. Obrigada pra sempre, mãe!!! Foi muito mais do que eu podia imaginar. Vivo um sonho todos os dias.

À minha avó
Minha velhinha de 90 aninhos, que tá se aguentando, segurando as pontas pra viver um dia de cada vez, sendo testemunha de momentos mágicos e inesquecíveis que nós duas sonhamos durante a mnha infância e adolescência. Obrigada, vó, por você ter me criado com todo o amor que existe nesse mundo e por eu ser hoje a pessoa que eu sou. Tudo que acontece de bom na minha vida é graças a você. Tenho uma dívida eterna que nunca vou pagar. Obrigada por estar presente no meu casamento. Foi mágico!!! Inesquecível!!!

À minha sogra
Que pensa que fez pouco ou quase nada, mas foi fundamental no dia a dia do nosso namoro, durante os stresses do noivado e minha mão direita e esquerda na arrumação da nossa casinha. Pela paciência e pelos conselhos quando eu queria desistir de tudo... Por ter ensinado ao Bernardo que o amor vale a pena e que é fundamental. Obrigada por tudo.

À minha cunhada favorita
Cris, você sabe que mais que irmã do homem da minha vida, você é minha grande amiga. Sem você, sem seus conselhos, sua palavras sábias, seu companheirismo, não teríamos chegado tão longe. Vocé vai ser pra sempre minha confidente, my big sister. Obrigada por ter me adotado como irmã também. Obrigada por entender meus momentos e me guiar nesse caminho difícil dos relacionamentos. Obrigada por me fazer acreditar no casamento. Thanks forever!!!

Às nossas famílias
Por serem sempre tão presentes. Foram vocês que nos mostraram o quanto é importante estar junto um do outro. Foram vocês que plantaram na gente a sementinha da família. Se hoje damos início à nossa é graças a cada um de vocês.

Ao Reverendo Eduardo
Que tornou um sonho real. Jamais esquecerei suas palavras. Segurei as lágrimas no dia, mas sempre choro quando vejo a cerimônia no vídeo... Obrigada mesmo!!!

À Equipe do Lajedo
Um conto de fadas só pode acontecer num lugar mágico e cercado por pessoas especiais. Assim foi o meu casamento. Nunca imaginei encontrar pessoas tão significativas e profissionais, porém ao mesmo tempo, tão delicadas e autênticas. Meu grande dia só foi grande por causa da equipe de coração gigante que me acompanhou nessa jornada. Se eu pudesse, casava todo ano com o Bê, no dia 17 de outubro, com chuva, no Lajedo, tendo Dani e Alê planejando, Andréa (e suas meninas) como cerimonialista, Daniel organizando, Jorge e sua esposa no som (impecável) e os garçons que fizeram um sucesso dançando, servindo e até caminhando no salão (as solteiras enlouqueceram). Mônica, você tem o privilégio de trabalhar com pessoas excepcionais realizando sonhos todos os dias. Talvez você não saiba, mas é a fada-madrinha que toda menina gostaria de ter. Obrigada por ter sido a minha!!!

Ao Bernardo
Há oito anos sendo meu cúmplice em tudo. Por você topar todas as minhas loucuras, ser os pés no chão que eu não tenho, ser a razão que eu muitas vezes preciso, ser cabeça-dura e caladão, torrar minha paciência de vez em quando, me amar todos os dias, enfim, por você ser o meu príncipe. Meu grande amor!!! Obrigada!!!!

4 de novembro de 2008

Finalmente a FESTA!!!

Só existe uma palavra capaz de definir minha festa: SONHO.


Um sonho lindo, um conto de fadas (como minha best friend falou), uma noite encantanda. Nem todos os meus devaneios típicos de noiva ansiosa foram capazes de chegar perto do que realmente aconteceu na noite de 17 de outubro de 2008. Por mais que eu tenha cuidado de cada detalhe, por mais que eu tenha escolhido cada flor, cada toalha, cada cor, mesmo sabendo a posição das mesas, a distância entre as velas no chão, a cor do tapete, mesmo imaginando o grande dia todos os dias durante dez meses, mesmo indo lá quase 1 vez por mês, mesmo assim não fui capaz de prever como ficaria de fato.


Ao chegar no Lajedo e entrar no salão pra tirar fotos, congelei de surpresa. Nem nos meus sonhos mais otimistas, a festa era tão bonita, tão perfeita, tão maravilhosa como estava. Os tons de amarelo e marfim deram uma atmosfera de alegria, felicidade eterna. A iluminação impecável completava o clima romântico e eterno.


Nunca sonhei com festão, nem mesmo em casar de noiva, nada disso. Mas, quando a idéia começou a se formar em minha cabecinha, pensei primeiro na tradicional igreja. Porém, o noivo conhecia um sítio lá em Vargem Pequena e, olhando o site, nos apaixonamos pelo local. Brincávamos sempre dizendo que se um dia a gente casasse seria lá. Quando a data foi definida, numa tarde quente de dezembro, resolvi ligar pro tal sítio. Só queria mesmo saber que seria muito caro, impossível, e riscar logo da minha lista. Mas eu precisava ouvir o preço pra me desesperar e então desistir. Qual não foi minha surpresa ao descobrir que nem era tanto assim. Afinal, eles ofereciam um serviço de primeira e estava tudo incluído já. Não ia esquentar minha cabeça com nada. Marcamos uma reunião. Fomos lá com mommy e assim ficou tudo decidido: o casamento seria no Lajedo.


E assim foi, e realmente não tive uma única dor de cabeça com eles. Fui paparicada e tratada como princesa desde o dia que assinei meu contrato até o dia do meu casamento. Mais que profissionais organizando minha festa, conheci pessoas realizando sonhos e fiz amigos de um dia pro outro. Foi emocionante e intenso todos os 10 meses que passamos juntos: eu, o Bernardo, minha mãe e toda a equipe, principalmente a Dani e a Alê. Essas fadas nos acompanharam desde o início, presenciaram brigas e discussões de uma noiva sensata e sua mãe alucinada, enxugaram minhas lágrimas nos momentos de tensão e as de minha mãe nas semanas finais. Estavam sempre prontas para as perguntas repetidas, as indecisões, as barganhas, e tudo que rolou nesse tempo todo. Grandes amigas! Pena que Dani não pôde ver o final de seu trabalho, pois estava em casa cuidando de seu pequeno Bernardo. Mas ela sabe que foi lindo lindo lindo.


Minha cerimonialista e todas as suas ajudantes foram perfeitas. Nos momentos antes de eu entrar, papeando no quartinho da noiva, durante a festa alternando meu prosecco com caipirinha, água, salgadinhos, comida, cuidando de mim e do Bernardo o tempo todo. Nosso organizador cuidando de cada detalhe, cada contratempo que nem vimos, nem percebemos.


Após a cerimônia encantada, tivemos uma festa mais que perfeita. Dançamos muito, comemos muito, bebemos muito. A dança dos garçons foi um sucesso. Os doces, a decoração, o bolo, o openbar, estava tudo muito além de qualquer coisa que podíamos imaginar. Alguns dias antes do casamento, a Alê me ligou pra acertar alguns detalhes e eu disse pra ela: "Eu e Bernardo já estávamos mais que felizes com o basicão de vocês. Qualquer coisa a mais, é como um sonho."


No dia 17 de outubro, a equipe do Lajedo foi capaz de transformar e tocar o coração de cada pessoa presente e nos presenteou com uma noite mágica, inesquecível. Pena que as 6 horas de festa tenham passado num piscar de olhos. Mas fica então a lembrança eterna e a sensação que nunca vai embora do dia mais feliz das nossas vidas...

28 de outubro de 2008

A cerimônia!

Como todos sabem, minha cerimônia, à princípio, por exigência de mommy teria que ser católica. No entanto, padres não celebram casamento fora da Igreja. Após muito procurar, resolvi seguir minha intuição.

Nossa primeira data de casamento seria 18 de outubro, dia de São Lucas. Assim sendo, fui procurar a paróquia de São Lucas no Rio e qual não foi minha surpresa ao descobrir que era a Igreja Anglicana. Peguei o telefone e liguei. Fui atendida pelo próprio Reverendo Eduardo. Após alguns minutos de conversa já tinha me decidido. Ele me passou tudo por email e já deixamos marcado nosso primeiro encontro.

De lá até o grande dia foram uns 5 ou 6 encontros regados a chimarrão (pra ele) e muito papo bom. Era sempre aos sábados lá em Botafogo, na própria Igreja. Tivemos ainda a alegria de vê-lo celebrar o casamento de uma de minhas maiores amigas: Ana Paula.

Semanas antes do nosso casório, estivemos lá acertando os últimos detalhes e ouvindo os sempre sábios conselhos de nosso Reverendo-amigo. Saímos com a certeza de que teríamos uma cerimônia só nossa, para a gente e sobre a gente.

Mas foi muito, muito, muito melhor do que poderíamos imaginar. Ao darmos as mãos de frente ao altar, olhamos nos olhos dele e seu sorriso nos acalmou. O chafariz atrás dele despertou com as luzes azuis ao fundo criando uma atmosfera de conto de fadas. Era inacreditável. Ele fez a cerimônia tradicional de maneira leve e tranquila. Todos prestaram atenção e se emocionaram com suas palavras.

Mas o Reverendo Eduardo não podia deixar por menos. Ele mencionou de maneira bem delicada e profunda a parte da Gênesis que eu tanto achava importante ser falada: a criação da mulher. E soube ligar aos Coríntios também nas minhas passagens favoritas.

Mas ainda tinha mais. Ele contou pra todo mundo um pouco do que ele aprendeu sobre a gente nos nossos encontros. Aquilo que nós deixamos marcado nele. Disse que somos um casal maduro e que sabe o que é o amor. E pra finalizar, nos presenteou com uma música lindíssima, que por muito pouco me fez chorar.

Só mesmo o Reverendo Eduardo para nos acalmar e nos manter sorrindo o tempo todo. Só ele para aceitar o "Yes" do Bernardo na hora do sim com uma gargalhada. Só ele pra sussurrar os votos em nossos ouvidos enquanto nos olhávamos com os olhos cheios d'água.

Deixo vocês então com a música, surpresa emocionante do nosso Reverendo Eduardo. We'll be forever grateful...

Perhaps love
Perhaps love is like a resting place
A shelter from the storm
It exists to give you comfort
It is there to keep you warm
And in those times of trouble
When you are most alone
The memory of love will bring you home

Perhaps love is like a window
Perhaps an open door
It invites you to come closer
It wants to show you more
And even if you lose yourself
And don't know what to do
The memory of love will see you through

Oh, Love to some is like a cloud
To some as strong as steel

For some a way of living
For some a way to feel

And some say love is holding on
And some say letting go
And some say love is everything
And some say they don't know

Perhaps love is like the ocean
Full of conflict, full of pain
Like a fire when it's cold outside
Thunder when it rains
If I should live forever
And all my dreams come true
My memories of love will be of you

And some say love is holding on
And some say letting go

And some say love is everything
Some say they don't know

Perhaps love is like the ocean
Full of conflict, full of pain
Like a fire when it's cold outside
Or thunder when it rains
If I should live forever
And all my dreams come true
My memories of love will be of you

23 de outubro de 2008

Casei!!!

E foi sensacional!!! P.E.R.F.E.I.T.O. Emocionante. Tudo de bom.


Meu dia da noiva foi chique d+. Cheguei cedo no hotel e logo depois a Alene chegou pra fazer massagem, hidratação nos cabelos e banho de rosas. Tava precisando de tudo isso. Recebi uma msg linda de um amigo especial (Thanks, Little Prince!). Durante a massagem, achei que fosse relaxar, mas eu não parava de falar um minuto. Na banheira, eu quase dormi. Tava ótimo.


Partimos pro almoço. Pedi salmão. Não podia comer outra coisa no dia do meu casamento, né! Delicioso. O Sheraton é tudo. A vista da minha varandinha era uma graça, pena que tava chovendo. Almocei fazendo a unha. Daí, parti pra caminha achando que ia tirar sonequinha. Nisso chega a Rosane, minha maquiadora-fada-madrinha.


O buquê é um capítulo à parte. Chegou antes mesmo da hora combinada e estava muito muito muito mais bonito do que eu pude sonhar.


Começamos a enrolar meu cabelo e partimos pra minha transformação-noiva.


Chega o fotógrafo e vamos pro banheiro prender a grinalda e o véu. Haja grampo pra fazer ficar tudo no lugar nesse cabelo mega escorrido. Fome! Salada de fruta esquecida do almoço na geladeira. Tira foto, espeta grampo, e eu não parava de sorrir. Tava tudo perfeito.


Prepara então pra colocar o vestido. Aí fiquei meio emocionada. Ia finalmente me vestir toda de noiva. Coloca anágua, abre o vestido, não vai entrar por baixo, de jeito nenhum. Prende a respiração. E não é que passou! Puxa o zíper, ajeita o véu, abotoa o sapato, prende a cauda e olha no espelho. Minha mãe chorou! Eu tava lá, pronta, linda, vestida pra casar. E o melhor, totalmente confortável.


Desci então com o Eduardo (meu fotógrafo) e fomos fazer pose bonita no hotel. Descobri então que não estava assim tão confortável. O véu era pesado (todo bordado com cristais...). Mas aguentei bravamente!


Subi de novo pros últimos retoques. Ajeitei tudo mais e então fui para o carro. O caminho foi rápido. Mas cheguei atrasada. Não pra cerimônia, mas pras fotos no Lajedo. Ainda tivemos tempo de tirar algumas, mas nada no jardim por causa da chuva fraca que molhava a grama. Daí foi uma correria porque o noivo chegou e ele não podia me ver e tal. Enfim, corre daqui, segura ele dali, entra pelo outro lado. Ufa! Conseguimos despistá-lo.


Aí fiquei mofando na casinha da noiva enquanto todo mundo chegava. Confesso que abri a portinha e fiquei olhando pela frestinha. Dava vontade de ir lá falar oi pra geral, mas a surpresa era importante. Veio então a Adriana, uma das cerimonialistas e ficou lá papeando comigo e segurando meu véu pesado. Tomei umas 3 taças de prossecco. Mas nem fiquei tontinha não. Era só pra relaxar mesmo.


Pedi então pra Adri buscar meu batom. Ela voltou junto com o Daniel (meu organizador) e com a notícia de que era a minha vez. Como assim!!!! Já tinha começado e eu nem tava sabendo. Agora sou eu, mas nem batom eu passei. Calma! Meu coração disparou nessa hora, mas eu tava feliz!


No caminho percebi que tinha esquecido o buquê. Corre o Daniel e busca o buquê pra mim. Vejo lá longe minha mãe descer as escadas com meu pai. Pára tudo e é minha vez.


Ouço a fanfarra e as meninas dizendo: Vai lá, Chris. Sorrisão! E fui. Desci as escadas sozinha. Dei a mão pra minha mãe e fui vendo diversos olhares lindos e sorrisos e flashes pra mim. Chego a meu pai. Ele me diz que eu tô linda, me dá o braço e seguimos em direção ao Bernardo.


Ele suava horrores, tadinho. Não sei se era calor mesmo naquela roupa ou nervoso ou os dois. Quando cheguei, demos dois beijinhos (rsrsrs) e ele me perguntou se eu tava nervosa. Disse que sim, muito. E então ele me disse o que fazer: "Passa o buquê pra outra mão, me dá sua mão direita e vai pro outro lado. Quando chegar lá, você entrega o buquê pra sua mãe." Eu nunca saberia isso tudo. Ele gravou direitinho e me ajudou.


Ficamos de mãos dadas a cerimônia inteira, apertando os dedos quando a vontade de chorar vinha mais forte. Não choramos, mas a voz embargou na hora de colocar as alianças. O Reverendo Eduardo preparou surpresinhas e uma cerimônia linda pra gente. Foi emocionante mesmo.


Mas isso tudo merece um post especial. Assim como a festa.


Preciso agradecer muito a milhares de pessoas e terei posts especiais pra cada uma delas.


Adorei tudo. Estamos em estado de graça. Nosso dia foi lindo e emocionante. Como muitos nos disseram: Isso tudo é a cara de vocês!

17 de outubro de 2008

É hoje!!!

Promessa é dívida! Falei que voltava antes de casar e cá estou eu.


Daqui a mais ou menos umas 10 horas estarei dando início ao meu dia da noiva. Noiva... Como foi bom viver esse momento. Noiva deveria ser estado civil. Noiva deveria ter preferência e privilégios, assim como as grávidas e os idosos. Não, não vou dar início ao meu dia da noiva daqui a 10 horas. Tenho vivido intensamente meus dias de noiva há quase 10 meses!!!



Quero aproveitar esses últimos momentos. Estar noiva é estar em estado de graça constante. É um brilho no olhar que não se perde, não importa o que aconteça. Por isso que toda noiva é linda. É a alegria que ela emana pelos poros. É a realização que se vê estampada no sorriso. É a tradução do amor.



Agora, faltando tão pouco e depois de tanto que dividimos, deixo aqui minha expectativa. Quero viver esse meu dia com tamanha intensidade foram esses preparativos. Quero gravar cada movimento, cada olhar, cada sorriso, cada flash, cada palavra, cada abraço, cada rostinho me olhando, cada beijo, tudo possível na minha memória. Pois não há nada mais lindo que uma lembrança, não há foto, filme ou estória que faça sentir mais que uma lembrança sua. Ela é só sua e te toca de um jeito único.



Sei que amanhã minha festa serão fotos, serão vídeos, serão comentários, serão lembranças. Espero ser capaz de marcar e gravar coisas bonitas e sensações boas na memória de cada convidado. Espero que o nosso amor contagie a todos e que a noite seja de vibrações positivas.



Não estou nervosa, nem preocupada, nem stressada. Tô agitada. Ainda não consegui dormir. Vou deitar agora e esperar o sono vir. Uma hora ele chega. Tô eufórica, muito muito muito feliz. Doida pra começar tudo logo.



E agora abrem-se as cortinas, acendem-se as luzes e a noivinha entra em cena. No fim da noite ela será outra, será casadinha, e esse é o seu maior espetáculo...

14 de outubro de 2008

É depois de amanhã!!!

Tem noção??? Tô ansiosa, mas nada nervosa. Tô muito muito muito feliz! Mas devo confessar que meu coração tem batido mais depressa nessas últimas horas. É um turbilhão de emoções...


É tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo... Confirmar foto, vídeo, bem casado, liga pro Lajedo, tira dúvida, Alê me liga de lá, traz ótimas notícias, alívio, a acompanhante da minha avó desaparece, a turminha de Kids me dá presente de casamento, group hug, a teacher segura o choro no céu da boca, mommy liga, noivo liga, sogra liga, atende todo mundo, entrega convite individual pro povo do trabalho, confirma alguém pelo site na última hora, leva a amiga-madrinha pra almoçar fora, canta parabéns, confirma aluguel do traje dos padrinhos, esquece de pegar a roupa do noivo, engarrafamento gigante na Barra, vontade louca de fazer xixi, outra aula, conversa com mãe, atende telefone, pizza e bolo pra comemorar niver, teacher's day e meu último dia single, acerta matéria das turmas, deixa tudo pornto pros substitutos, cola bilhetinho, faz cópia de prova, corrige segunda chamada, lança nota no sistema, atende telefone, liga pra mommy, liga pro noivo, conversa com a chefe, entrega mais convite individual, deixa agradecimento no quadro branco, vai pra garagem, ouve música pra cerimônia, pega o carro ................ Agora só volto pro trabalho casada.


Nessa hora, ao som de Fantasma da Ópera, acho que me bateu tudo que ainda não tinha batido. Fui chorando da Freguesia até a Barra. Mas um choro bom, de alívio, de felicidade, de realização, um choro infantil e libertador. Me senti respirando melhor depois de tantas lágrimas. Acho que tava precisando de um momento mais introspectivo. Eu sozinha comigo mesma, no meu carro, ouvindo uma música sensacional. Se eu não usar na cerimônia, já valeu pelo momento que eu tive através dela.


Agora tô aqui, no pc de mommy - o meu já tá na minha casa - dividindo mais uma vez o meu momento e as minhas sensações. No quarto ao lado uma mala me espera e um armário inteiro. Preciso arrumar tudo pra honeymoon e juntar as roupas pra levar pra minha casa. Tô desde domingo pra fazer isso. Confesso que tô adiando, mas só hoje me dei conta.


Ainda volto antes do grande dia. Ainda volto pra me despedir da noivinha Chris. Ainda volto antes que o blog seja "Chris e Bernardo já casaram".

11 de outubro de 2008

Tá chegando!!!

Falta menos de 1 semana!!! Agora já entramos na fase do "sábado que vem a essa hora, estaremos casados" "domingo que vem a essa hora, estaremos na lua de mel". A gente fica imaginando que esses são nossos últimos sábado, domingos, segundas, ... solteiros. Mas é legal. Uma sensação de missão cumprida, de sonho realizado, de realização total.

Na quarta-feira, fui experimentar o vestido. Tá pronto!!! Tá lindo!!! Tá perfeito!!! Vesti tudo, coloquei meus sapatos e fiquei andando pra um lado e pro outro, sentei, levantei, dancei. Não dava vontade de tirar. Inacreditável ver aquele vestido no papel e depois olhar pra ele pronto pra eu vestir. Special thanks para a Helena e suas costureiras e bordadeiras mágicas que realizaram meu sonho. Eu até já podia ter trazido pra casa, mas preferi deixar lá e buscar só um dia antes.

Meus noivinhos do bolo também ficaram prontos. Já chegaram aqui em casa e estão sensacionais. Exatamente como eu queria, como eu descrevi, como eu imaginei. Um obrigada mais que especial para Paty, que fez mudancinhas finais já nos últimos dias. Um trabalho impecável por um preço excepcional. Parabéns, Paty, você é uma artista.

A casinha está nos últimos retoques. Minha cunhadinha barriguda ontem foi lá pra me ajudar a arrumar as coisas no armário da cozinha. Ficou lindo e perfeito. Ela tem muito bom gosto e me deu uma mega ajuda. Hoje já entramos lá e vemos uma casa mesmo, não um canteiro de obras. As cortinas também ficaram prontas e o noivo já instalou todas elas. Falta ainda a saga de terminar de pintar as portas, a CEG ligar meu gás e comprar o blackout. Falta mais, mas isso é o que eu lembro agora.

Hoje à noite vamos fazer as comprinhas. Vai ter comidinha na casa...

As dicas de hoje então são:
Id Marriê: 2415-0181 (Helena) - Campo Grande.
Paty Art: 3464-1585

8 de outubro de 2008

Para a Christiane e o Bernardo com todo meu amor,

Oi, Filhota,!!!

Estou aqui de carona no seu blog, e pela primeira vez mandando uma mensagem a vcs.


Agora quando faltam 10 dias, e depois de viver intensamente todo este periodo com vc, quando da construção do seu blog, da indefiniçao e escolha do lugar....., da definição da data...tudo sobre a cerimonia religiosa , apesar de não ser em uma igreja.......bem tudo, fico imaginando o GRANDE DIA!!!


O que sente uma mãe , há dez dias do casamento da única filha!!!!!!!!!!


Não sei explicar é um conflito de sentimentos, sensação de perda, saudade, viver sozinha, é um turbilhão de sentimentos................, mas , o que mais importa é saber que vc esta muito muito feliz com a pessoa que vc escolheu para formar sua familia.


Eu te amo muito, e tudo que desejo é a MAIOR FELICIDADE DO MUNDO PARA VOCE E O BERNARDO.

Espero aguentar todas as emoções, no dia, mas vc me conhece................


Christiane, foi um dos melhores periodos das nossas vidas, apesar das brigas,da minha falta de tempo, de todos acharem que o casamento tb é meu, não é verdade, é aquela vontade de te fazer sempre feliz, e queria ter feito muito muito mais, mas valeu, ta chegando e vamos brindar sua felicidade juntas. TE AMO MUTO.


Beijos, Sua Mamãe. Maria Martha


7 de outubro de 2008

Faltam 10 dias!!!

Ainda me lembro quando faltavam 100 e eu não tive tempo de escrever o post especial. Agora virou tudo correria!!! Pra finalizar a casinha, pra confirmar os convidados, pra comprar surpresinhas da festa, pra experimentar o vestido, pra definir os brincos, pra fazer a mudança, ufa! E no meio desse furacão, ainda tenho que trabalhar, preparar aulas, corrigir provas e redações e não perder a cabeça com as criancinhas pirracentas...


Apesar de tudo, agradeço todos os dias pelo meu trabalho. No momento em que passo pela porta da sala 8 e digo: Good mornig kids!, deixo todo o resto lá fora. É claro que eles sabem que meu casamento é semana que vem. Eles percebem que tô tensa. Mas, ali, naquelas horinhas juntos, não posso ficar divagando e pensando na festa, nos detalhes, nos problemas, enfim, ali é o meu momento de concentração total. Thanks kids!!! You've been really supportive!


Mas, vamos ao que interessa. A casinha tá praticamente pronta. Finalmente começamos a pintar as portas (muito chato) e tá ficando lindo, tudo branquinho. A parte elétrica foi toda resolvida. Só falta mesmo o gás (até quarta). Instalamos o lustre da sala de jantar e agora só faltam os spots da área de serviço e do lavabo. No escritório teremos ventilador de teto. O noivo colocou os acessórios do banheiro (saboneteira, toalheiro, porta-shampoo) e fechamos todas as tomadas e interruptores que faltavam. Ligamos a geladeira e já usei minha máquina de lavar e o varal. Tá dando vontade de já ficar por lá. A faxina deve ser até o fim dessa semana.


Fui ver vestidos com mommy e ela gostou de vários. Ficaram lindos!!! Vi o vestido da minha tia-madrinha Duda e ele é deslumbrante. Os padrinhos já começaram a alugar os trajes. Tá tudo caminhando. Devo fazer a última prova do meu vestido essa semana ainda. Frio na barriga... Estamos ganhando vários presentes e as confirmações na lista começaram a bombar. Muito legal! Hoje ganhamos o aparelho de jantar. Presente da avó do noivo e da tia-madrinha Gorete. THANKS A MILLION. São pratos maravilhosos lá da minha lista da Tok & Stok. Muito mais bonitos ao vivo. I'm sooooo happy!


É isso. Agora tenho que tentar dormir...

2 de outubro de 2008

Outubro chegou!!!

Nossa!!! Como esperei para esse mês chegar!!! Confesso que nem vi o que aconteceu com setembro. Pularam? O que aconteceu?

Até meus alunos já perceberam como estou ansiosa. Me pedem pra falar mais devagar, pra respirar mais vezes, sentar um pouco. É engraçado como as pessoas reparam na gente, né? Sou muito falante naturalmente, mas nesses últimos meses tô batendo todos os recordes. Nem eu tô me aguentando... rsrs

As novidades agora são todos os dias. Tá sempre acontecendo alguma coisa.
Festa:
* comprei meu sapato na De Bianca, no centro. Lindinho mesmo. Lá tem muito modelo de sapato branco, mas estilo noiva mesmo são poucos.
* aluguei a grinalda na Casa Assuf. O preço é alto (pelo menos pra mim), mas ela é perfeita e o atendimento fora de série. Imbatível.
* recebi a triste ligação da Tânia Tanner dizendo que não seria possível fazer meu buquê de tulipas. Fui lá então hoje e após algumas horas e um lanchinho mimoso, definimos um outro modelo que vai ficar perfeito. Tô muito feliz!!! Nem quero mais saber das tulipas afrescalhadas.
* meus noivinhos ficaram prontos. A Paty me mandou a fotinho. Ela é uma artista. Só pedi pra acrescentar algo que eu tinha ficado devendo e pra escurecer um pouquinho meus cabelos (me achei muito loira). Tá muuuuiiito romântico. Lindo mesmo.
* meu vestido tá sendo bordado e faço a última prova no dia 10/10. Data cabalística... rsrs
* faltam os brincos, os licores, as supresinhas, o arroz e mais alguma coisa que eu não tô lembrando agora...

Casinha:
* montaram nosso móvel de TV. Tá lindo d+. Ficou tudo perfeito na sala.
* após inúmeras ligações para a CEG, idas e vindas de técnicos, exigências e mais exigências, amanhã começo a dar solução aos problemas pra ter meu gás ligado até sexta.
* instalamos todas as luminárias, tomadas e interruptores. Mas tivemos um probleminha numa fase da cozinha, que amanhã será resolvido.
* minhas cortinas ficam prontas esse fim de semana. Comprei o varão pra sala.
* comprei as lixeirinhas do banheiro. Lindinhas, com tampa basculhante, exatamente com eu queria.
* ainda falta retocar os cantos e a sanca, fazer o rejunte e pintar as portas. O resto dá pra fazer já morando.

Devo começar a encaixotar minha mudança, mas sei que vai ser difícil. Mommy é capaz até de chorar. Hoje ela entrou de férias. Quer me dar uma mãozinha até o dia do casório. Acho que ela não tava era mais conseguindo se concentrar com tanto acontecendo.

Falta pouco. Apenas 2 sextas-feiras. Na terceira eu caso. Hoje tiramos a aliança pra mandar polir e gravar a data. Agora só coloco de volta na mão esquerda. E quando ela voltar, muda tudo. Quando ela voltar, minha vida será outra. Quando ela voltar, eu serei mais feliz!!!

30 de setembro de 2008

Chá de Barnela

Nosso Chá de Barnela foi domingo!!! MA-RA-VI-LHO-SO!!! Churrascão no maior estilo carioca de ser. Só faltou o sol, que resolveu dar uma voltinha.


Geral tava lá. Queria aproveitar para agradecer a galera da Cultura que compareceu em peso. Vocês são sensacionais. É a nossa amizade, o nosso companheirismo e a alegria que a gente compartilha que me fazem levantar cedo todos os dias e ir muito feliz trabalhar. THANKS A MILLION GUYS!!! YOU ROCK!!!


A family e nossos grandes amigos também foram e ficaram até a noite chegar. Vocês são a razão para tudo isso estar acontecendo. Se hoje eu e o Bê estamos embarcando nessa para dar início a nossa família, foi porque tivemos vocês como exemplo de amor incondicional e suporte em todas as horas. Nunca é chato estar com vocês o tempo todo. Ver a felicidade estampada no rosto de cada tio, tia, padrinho, madrinha, irmã, cunhado, cunhada, agregados e afins é emocionante.


Nossas mães susperpoderosas estavam lá participando ativamente. Mommy, brigadão por ceder o salão e a churrasqueira do seu prédio e pagar o churrasqueiro. Foi perfeito. Não poderia ter sido melhor. A galera saiu falando: "Se o chá já foi assim, imagina o casamento!". Não se preocupe. Vai dar tudo certo no grande dia. Sogrinha, brigadão pela comida e pelas lembrancinhas. Estão todos elogiando muito e perguntando quem fez o "banquete". Pras lembrancinhas teve até briga, né? Obrigada do fundo do meu coração!!!


Preciso aproveitar algumas linhas para um agradecimento especial. Primeiramente a minha cunhadinha barriguda - Cris. Mesmo gravidinha e pesadinha, ela convidou a galera, me pressionou pra fazer a lista, organizou tudo por telefone com a outra madrinha, fez tudo que estava a seu alcance e ainda ficou pra um lado e pro outro no dia trazendo presente e guardando tudo enquanto a gente pagava as prendas. Thanks a million, sister!!! You're unique! Lots of love!


A tal outra madrinha que deu uma "mãozinha" é a Taís. Nos conhecemos na Cultura e nossa amizade foi crescendo meio sem querer. Quando nos demos conta, eu já tava convidando ela pra ser madrinha do meu casório. Taís organizou T-U-D-O. Comprou flores, pimenteiras, toalhas pra decoração, bolas, chegou cedo, enfeitou tudo, arrumou tudo e ainda teve tempo, mesmo durante as férias da nossa chefe, de bolar diversas brincadeiras pra noiva chata que queria fazer chá e não ser pintada em hipótese alguma. Taís, nem mil copos de leite são capazes de dizer o quanto foi especial esse dia pra mim. I can't put in words how happy I was. As I said, you were the one to picture my dreams about it. Thanks again and again.


Pra finalizar o post que não acaba nunca, vai o meu muito obrigada mais do que especial para o noivo. Bernardo participou de todas, eu disse TODAS as brincadeiras e ficou do meu lado o tempo todo tentando adivinhar os presentes. Foi lindo e inesperado! Inesquecível. , once again you surprised me and made me even happier. All I can say is: I love you and I wanna marry you. Will you marry me?

25 de setembro de 2008

As Músicas!!!

Finalmente decidimos as músicas da cerimônia. Vou postar aqui para ajudar as outras noivinhas que estejam em dúvidas. No entanto, as músicas que vamos sair da cerimônia, dançar e jogar o buquê, me mandem e-mail (chrisebernardo@gmail.com), pois não quero estragar a surpresa para os convidados.


Então, vamos à lista:

Entrada dos Padrinhos: Flauta Mexicana
Entrada do Noivo: Clarins de Roma
Entrada da Daminha: Minueto de Bach
Entrada da Noiva: Clarinada + Marcha Nupcial
Entrada dos Pajens (alianças): Verão de Vivaldi
Benção das alianças: Ave Maria Gounod
Saída: e-mail me!
Entrada no salão: Bittersweet Symphony - The Verve
Abertura de pista: e-mail me!
Buquê: e-mail me!

No geral tá tudo correndo bem. Estamos finalizando a entrega de convites, já tem gente confirmando e ganhamos alguns presentes super legais! No domingo é meu Chá de Barnela. Estamos ansiosos. Amanhã vou no centro da cidade pra ver meu sapato e minha grinalda. Tá chegando...

Dica de hoje:
Sintonia Carioca: 3459-6754

22 de setembro de 2008

Falta menos de 1 mês!!!



Prometi para mim mesma que escreveria um post especial quando faltasse 1 mês. Só não imaginava em que correria eu estaria neste momento. Várias coisas acontecendo juntas! Desde Janeiro que penso em casamento o tempo todo, porém nos últimos dias tô até respirando isso!



Depois de nossa super mega reunião no Lajedo, tive vários acontecimentos importantes. Na terça-feira fui fazer a prova de cabelo e maquiagem. AMEI!!! Minha make tá perfeita. Ela faz 2 opções: 1 cor de cada lado e te pede pra escolher. Na hora que olhei já sabia qual eu queria. As meninas de lá concordaram comigo. Vai ser uma misturinha de pérola com marrom e blush mais bronze. O batom é rosinha, lindíssimo. Me deixou alegre e valorizou meus olhos (que já são grandões). As marquinhas de acne que eu tenho também ficaram bem disfarçadas. Tô super satisfeita.



Quando cheguei lá, me senti meio noiva alien, sabe? Tô aqui toda hora, planejando, me preparando pra tudo, mas não tinha uma única foto sequer do penteado que eu sonhava nem da maquiagem e obviamente não me dei ao trabalho de levar a grinalda e muito menos o véu pra testar. A outra noiva que chegou logo depois de mim levou tudo que tinha direito. Me senti relapsa. Partimos então para o penteado. Eu sempre tive a imagem da noiva com o cabelo preso e, considerando o modelo do meu vestido, era assim que eu me via casando. Expliquei pra minha fada-madrinha e ela tranformou esse meu boi lambido em algo lindo e poderoso, preso bem do jeito que eu queria. Imaginamos então possíveis grinaldas (já que não escolhi ainda) e ela colocou um véu lá pra eu ver como ficaria. Fiquei radiante e me sentindo pronta. Queria sair dali, passar em Big Field, colocar meu vestido e casar logo.



Mas eu tinha direito a uma segunda opção de penteado. Pra quê? Ela então soltou tudo e prendeu um pouquinho atrás, na altura da orelha, deixando meio solto, meio preso. O que eu achei? Lindo, maravilhoso, perfeito! Eis então o meu problema: tenho que escolher um só! E agora? Preso ou semi-solto? Não sei, não sei. Qanto à grinalda, vou na Casa Assuf e no Jefferson Vianna essa semana pra resolver!



Além da make e do penteado, fui ver sapatos, mas não encontrei nada. Também vou aproveitar meu passeio no centro da cidade pra dar um pulinho na DiBianca. Minha sogra viu modelos lindos lá por preços razoáveis. Fingers crossed!!!



Na quinta, eu e Bernardo fomos definir a roupa dele. Na verdade eu fui acompanhar apenas, pois enquanto esperava ele se vestir lendo revistas sobre os casamentos de Sandy e Juliana Paes, ele colocou a roupa, ajustou, decidiu, tirou e, quando vi ele abrindo a cabine de novo, me saí o noivo do mesmo jeito que entrou. Ou seja, não vi a roupa dele! Sei apenas que é um meio fraque escuro. Tô mega curiosa!!!



Na casinha, está tudo se ajeitando... Esse sábado, o Sr. Haroldo foi instalar meu varal, que é show!!! São palhetas individuais. Cada uma tem sua própria cordinha. Sensacional, pois nunca fica muito pesado pra gente puxar. E o semi-eletricista foi resolver algumas pendências. Ainda falta ligar os spots do bar, mas vamos chamar outra pessoa pra isso.



Pra fechar com chave de ouro, ganhamos o móvel pra TV. Ele chega quarta-feira. Presente mais que especial da minha sogrinha!!! Lindo d+!!!



Bom, é isso! Me ajudem a escolher meu cabelo: preso ou semi-solto? E a grinalda: tiara ou garrinhas?

15 de setembro de 2008

Última reunião!?

Estive no Lajedo este sábado para minha última reunião antes da festa!!! Que frio na barriga... Me despedindo de todos e sabendo que os verei novamente só no dia, quando estiver tudo pronto, eu toda pronta, oh God!!!

Cheguei lá meio dia e só saí depois das 15h. Conversamos com a cerimonialista, o organizador e o pessoal do som. Foi muuuuiiito legal!!! Adorei minha cerimonialista. Super organizada e simpática, me deu confiança e tranquilidade de que no dia tudo vai acontecer conforme a nossa conversa. Ela será meu anjo da guarda a partir do momento em que eu colocar meu pezinho dentro do Lajedo. Me senti muito bem cuidada.





O organizador é fantástico. Super alto astral, ele é responsável por coordenar os bastidores da festa. Ele garante a beleza da decoração e o andamento do serviço. Também gostei muito dele. Me deu dicas e ouviu todos os meus pedidos. Ele manda bem!!!


Como queríamos ver a festa que estava sendo montada, nossa reunião sobre som foi na mesa do DJ mesmo. A festa era muito bonita, com cores fortes e flores variadas. Agora, o pessoal da Sintonia Carioca é muito gente fina. Demos boas risadas com eles e adoramos o atendimento. Ficamos um tempão pra escolher as músicas da cerimônia. Queríamos algo tradicional, mas que não parecesse repeteco de um casamento que as pessoas já tivessem ido. Eles entenderam perfeitamente nossa idéia e souberam transformar em música. Adorei. O noivo, sendo o lado musical do casal, foi o responsável por escolher mais as músicas e o estilo da festa. Nos divertimos muito com eles e estamos mega satisfeitos. Nossa trilha sonora tá perfeita.


Em breve coloco a lista com as músicas aqui pra vcs.


As dicas de hoje, então:
Lajedo: 2435-9292
Sintonia Carioca: 3459-6754

12 de setembro de 2008

Meu vestido de novo!!

Agora sim posso dizer: meu vestido é liiiiiiiiiiiiiiiiinnnnnnnnnnnnndo!!!


Me senti uma princesa dentro dele. Nem precisava bordar e acertar a bainha. Tá perfeito. Como eu vinha imaginando.



Nunca fui mesmo daquele tipo de menininha romântica que sempre sonhou casar de véu, grinalda e com uma mega festa. Na verdade, passei a adolescência esbravejando aos quatro ventos que iria morar sozinha e quem sabe juntar os trapos com alguém interessante. Mas o mundo dá voltas e quando a gente menos espera uma surpresa linda pode aparecer nas nossas vidas.



E foi isso mesmo que aconteceu. Mal saía da minha fase teen atormentada e tive a sorte de encantar e me encantar por alguém muito especial. Só mesmo o Bernardo para me fazer acreditar no casamento e apostar tudo nele. Foi o jeito dele de gostar de mim que me fez ter vontade de construir uma família como eu sempre sonhei.



Por isso, acho lindo as meninas e as noivinhas que perdem o sono e contam os dias para a festa chegar. O dia que elas vão usar o tão fabuloso vestido. No entanto, na verdade, o que eu mais espero, o que me tira o sono, o que me faz embarcar nessa contagem regressiva é exatamente o dia seguinte, e todos os dias depois do grande dia. Mal posso esperar para me ver na nossa casa e olhar em volta e poder dizer: aqui começa uma família de verdade.



Hoje minha mãe passou mal. Muito mal. O diagnóstico: stress! Tivemos uma grande briga esses dias e ela tem trabalhado muito ultimamente. Minha mãe é uma super-mãe. Minha avó é uma super-vó. Mas sempre faltou um super-homem na nossa história. Com a chegada do casamento, sinto que quem mais vai sentir com essa falta é mommys. Aquele dia seguinte que eu tanto sonho pra chegar vai ser o primeiro dia que minha mãe vai morar sozinha em toda a sua vida.



Meu vestido está lindo. Me senti uma princesa dentro dele. Quero curtir cada segundo da minha festa fantástica e chorar sim, caso eu sinta vontade, durante a cerimônia. No dia seguinte, começo uma nova história. No dia seguinte finalmente vou estar ao lado do MEU super-homem!!!

8 de setembro de 2008

Meus convites!!!

Meus convites são liiiiindooos!!! Tudo de bom. Amei amei amei. Simples e chique, com ar de casamento rústico e ao mesmo tempo sofisticado. Exatamente como eu queria. Em breve coloco ele aqui. Aliás, vou fazer um post com todas as fotos que estou devendo (rsrs).

Peguei meus bonitinhos na sexta-feira à tarde. Amiga-madrinha Taís foi comigo. Tivemos que contar tudo na hora. Ainda bem que ela foi. Imagina... Ficaram faltando 58 convites individuais e algumas folhinhas de trigo (que formam o lacre) estavam meio esquisitas e pedi para trocar. As meninas fizeram tudo prontamente.


Aproveitamos para bater perna no Saara e comprar as amêndoas (ótimo preço na Casas Pedro), os saquinhos pra elas, o saquinho pro arroz, os clips douradinhos e os descartáveis pro meu Chá de Barnela. Tiring but profitable!!! Saímos do centro na hora do rush, mas valeu a pena.


Quando cheguei em casa, juntando os convitinhos individuais aos principais, achei outras folhinhas de trigo com defeito (20 no total) e 7 tags com algum errinho. Claro que não fico muito feliz com esses probleminhas, mas o atendimento das meninas é tão legal e a atenção delas é sem igual. Dois dias antes de ir lá buscar eu aumentei a quantidade total de 120 para 150. E não tive problemas. Estavam todos me esperando nas caixas. Quarta ou quinta minha mãe deve ir lá para trazer o que falta.


No mais, fizemos comprinhas pra casinha, mas isso fica pra depois...


As dicas de hoje:
Convites Vilsom: 2252-5546
Casas Pedro: 2224-2515
Saara: Rua da Alfândega e adjacências

4 de setembro de 2008

Meu sofá chegou!!!

Tô tão, tão tão feliz!!! Meu sofá chegou e de repente minha casa tem cara de casa de verdade. Como pode uma única peça fazer tanta diferença. Só de colocar o lindinho na posição certinha já deu pra ter a noção exata de como vai ficar a mesa, os bancos do bar, o rack, o tapete, enfim...

Tô louca pra terminar tudinho e ver a casa pronta! Nem acredito de tão lindo que tá. E o mais legal é que fomos nós que fizemos praticamente tudinho. Really proud of ourselves!!


Amanhã vou buscar os convites. Frio na barriga de novo. Foi no dia que fechei o pedido que me caiu a ficha. Até então, por mais organizadas que as coisas estivessem, tanto a festa quanto o casamento em si pareciam apenas um papo de amigas, um evento distante, algo inatingível. Amanhã, quando eu olhar pros meus convitinhos tenho certeza de que vou me emocionar. Amiga-madrinha Taís vai comigo (ela me deu os convites de presente).


Para aproveitar a viagem ao centro, vamos comprar também as amêndoas, os clipinhos douradinhos pros convites individuais, as toalhas das mesas do chá de panela, os saquinhos pras amêndoas e pro arroz e tudo mais que eu lembrar.

Acho que é isso! Vou lá então. Falta pouco!!!

1 de setembro de 2008

A 1ª prova do Vestido!

Nem dormi direito essa noite imaginando tudo que poderia acontecer quando eu colocasse o vestido. Cheguei cedo no trabalho, almocei antes da primeira aula, e saí correndo assim que terminei. Voei até Big Field!


Chegando lá, minha estilista (chique de doer) já estava me esperando. Entrei e em 5 minutos meu vestido estava lá, na minha frente. Devo confessar que não foi tão emocionante quanto eu esperava. Deve ser o primeiro choque de imaginá-lo de um jeito, todo pronto, bordado, brilhando e vê-lo apenas montado. Uma porção de panos brancos de diferentes texturas e tamanhos alinhavados e presos por alfinetes. Aperta daqui, estica dali, faz bainha, amarra de um aldo, puxa do outro, sobe o zíper, coloca anágua, troca o bojo, ufa!!! E nesse mexe e remexe eu tentando visualizar o vestido pronto. É difícil!!! Muita linha e alfinete pra todo lado. Me senti uma Frankstein...


No geral posso garantir que o vestido vai ficar lindo e perfeito, mas é meio desesperador ter que passar pela primeira prova. Dá medoooooooo... O bom é que isso vai durar só até quarta que vem quando vou fazer a última prova antes dos bordados. Acredito que nesse dia eu já consiga me mexer mais dentro do vestido e consiga visualizá-lo com as rendas e pedras que vão estar faltando. Consegui definir um dos acessórios e descartar outro: o sapato. Não tem como eu casar com as sandálias que eu já tinha (presente do noivo). Meu vestido é chique d+ pra elas. Prontinho, ele vai pedir mesmo é um chanel bem bonito. Agora vou correr atrás de um, né?


A insônia foi boa, pois me ajudou a garantir os ingressos pro show da Madonna. Após horas e horas na internet, consegui comprar!!! Depois de amanhã chega meu sofá. Não vejo a hora!!!


Tá tudo caminhando........

31 de agosto de 2008

Pronta para casar!!!

Estou pronta para casar!!! Mas como assim? Já não estava antes? Pessoalmente já tô aguardando esse dia há tempos. No entanto foi na sexta-feira que me tornei oficialmente habilitada a contrair matrimônio. Chique, né? Dei um pulinho no cartório e muito feliz saí de lá com nossa habilitação em mãos. Agora temos até o dia 19 de novembro para casar oficialmente. Achei tudo muito organizadinho no cartório lá da Barra. Fui super bem atendida. Indico tranquilamente pras noivinhas que morarem nas redondezas. A galera de lá é 10!

Hoje lavamos as janelas da casa. Tava tudo horroroso por conta da obra dentro e fora do prédio (já contei que tá tendo reforma da fachada, né?). Usamos o super poderoso Vaporeto e como aquilo limpa bem! Tô pensando em pedir na lista de casamento (hehe). Quem limpou mesmo foi o noivo que se amarrou no sistema de limpeza a vapor. Sensacional!


Ontem fomos encontrar o Reverendo Eduardo, mas ele estava muito atrasado e resolvemos voltar pra casa. Ele ia fazer um casamento antes e acho que a noiva deve ter demorado a entrar. Enfim, vamos ligar pra ele e remarcar, pois ainda temos que pagar a parte da Igreja e deixar a tal habilitação com ele.

Experimentamos os Bem casados da Elvira Bona (só pra ter certeza, né?). São espetaculares. O de nozes é um sonho. O que mais gostei foi que eles levaram uma caxinha linda, branquinha, com oito tipos de bem casados, todos embalados nas cores que eu pedi pro meu casamento, lá no trabalho de mommys e nem cobraram nada por isso. Achei um mimo sem igual. É desse jeito que as noivas gostam de ser tratadas. Me senti especial.

Amanhã vou fazer a 1ª prova do vestido! Tô ansiosa. Queria que minha cunhada fosse comigo, mas ela tá toda enrolada no trabalho. Minha sogra quer ter surpresa. Logo, vou sozinha, snif snif. E se não ficar bonito? E se eu não gostar? Ai, meu Deus! Essa noite eu nem durmo...

E por falar nessa noite, atenção fãs da Madonna: não esqueçam que à meia-noite começa a venda de ingressos para o super show no Maraca, dia 14 de Dezembro. Estarei lá, sem dúvida!
Bom, então é isso. Dicas de hoje:
Cartório da Barra: 2431-7305
Bem casados: Elvira Bona - 2547.0095

27 de agosto de 2008

Pequeno stress!!


Todo mundo se stressa organizando o casamento. Há até o estereótipo da "noiva neurótica". Eu achei que estava indo muito bem, muito tranquila e calma, sem nada me perturbando. Confesso que por alguns momentos até achei estranho.


Mas tudo que é bom... Hoje tive meu momento de fúria de noiva. Há alguns posts (e meses) atrás, contei sobre a compra das bebidas. A pessoa que estava fazendo meus bem-casados havia me oferecido o Prosecco Dedicatto a preço de banana (R$15 a garrafa). Achamos espetacular. Como ela havia feito várias coisas no casório da minha cunhadinha, nem pensamos 2 vezes e fechamos. Dei a primeira parte em cheque nas mãos dela e combinei de pagar o restante na entrega. E foi aí que meu stress começou. No dia combinado, ela foi buscar o outro cheque com o noivo, porém o caminhão com as bebidas não chegou.


Após muitos telefonemas, muitas desculpas, alguns desencontros e muitas dúvidas, hoje, três meses após a compra, meu noivo e minha sogra foram à casa dela e voltaram com minhas 9 caixas de Prosecco. Durante o dia tive que ligar pra ela e falar mais grosso do que estou habituada. Tremi, mas disse tudo que estava entalado. Achei muita falta de consideração ela não cumprir o que havia combinado comigo por telefone. Não importa que meu casamento seja daqui a 1 mês e meio ou 1 ano, o que havia combinado era receber as bebidas há 3 meses atrás.


Graças a Deus já passou. Cheguei a pensar que corria o risco de perder o dinheiro. Mas deu tudo certo. Porém, após essa confusão, confesso que não temos mais confiança para fazer os bem-casados com ela. Sendo assim, cancelamos a encomenda. A partir de agora a responsável por meus bem-casados é a Elvira Bona, que me cobrou um preço sensacional e garantiu a entrega no Lajedo, no dia do casamento.


Espero que esse seja o único stress do meu casamento. Agora posso voltar a ser a noiva feliz, radiante, contente e tranquila que costumava ser. Vou curtir meu momento...


Fica então a dica:
Bem casados: Elvira Bona - 2547.0095

25 de agosto de 2008

O sofá!

Compramos o sofá!!!!!!!!!!!!!

Já tem 1 semana, mas ando meio atrasada pra atualizar as coisas por aqui. Fomos no domingo passado lá na Rio Decor e decidimos de uma vez por todas. Nosso sofá chiquérrimo chega só em meados de Setembro, mas já tô ansiosa. Foi bom esse prazo, pois dá tempo de finalizar os detalhes da casinha.
Ontem terminamos a sala. Acho que o rodapé vai precisar de mais uma mão de tinta, mas é rápido. Agora falta retocar os cantinhos e os defeitinhos que aquela fita crepe sempre deixa (ela come tinta). As portas devem ser pintadas ainda esse fim de semana. Resolvemos que serão todas bem branquinhas. Vai ficar lindinho. Nossa sala tá pronta.

Na sexta-feira fui em Madureira com a amiga-madrinha Taís e os pais dela. Fomos comprar tecido: pro vestido dela, pro da daminha e pras minhas cortinas. Conseguimos fazer tudo! Ufa! Depois de andar de loja em loja atrás da cor que a Taís queria, conseguimos achar um verde lindo na última loja. As minhas cortinas são perfeitas. Comprei pro nosso quarto uma tal de ana ruga bem branquinha. É como se fosse um voal. E pra sala foi voal mesmo, só que meio marfim, palha, sei lá. Ficou lindo. Agora sogrinha e eu vamos partir pra confecção.

Nosso sofá maravilhoso é de corino ou couríssimo, não sei direito. É de 2 lugares, porém maior que o padrã, pois tem 1,90m. O braço é meio deitadinho e serve de travesseiro. Adorei, né? E ele é cor de chocolate. Afinal conseguimos colocar a sala da cor que a gente queria. Não foi na parede, mas o chocolate entrou de algum jeito: no sofá.
Bom, a dica de hoje então é:
Movestante: 2408-0239. Av. das Américas, 2000 (Rio Decor Freeway)
Tico Tecidos: Estr. do Portela, 113 (Madureira)

20 de agosto de 2008

Mais reunião!!!

Fomos de novo no Lajedo semana passada. Dessa vez não era pra definir nada em especial. A minha super-mega promotora Dani está gravidona (o bebê nasce em breve, se é que não já nasceu) e ela precisava nos passar pra Alê, que tem tudo pra ser super-mega também.

Nesta reunião conversamos muito pra ajudar a Alê a entender o estilo do casamento. Acho que no fim ela percebeu que eu tenho um ideal da festa e de tudo o mais e minha mãe tem um sonho dourado. Minha sorte é que quem paga é ela. A sorte dela é que sou uma noiva muito sensata e pé no chão. Já disse antes e repito: quem cresce meu casamento é ela e não eu. Quem coloca coisa a mais é ela e não eu. Já tava muito feliz com o básico, afinal ela já me emprestou o apartamento e tudo, né? Mas, enfim...

Aproveitamos o encontro e falamos sobre preços de adicionais. Definimos o que faltava definir, mostrei as lembrancinhas pra Dani e estabelecemos os próximos passos. A Alê começou a dar altas idéias para a cerimônia, falando das músicas, da minha entrada, nisso eu olho pra mommys e lá está ela chorando. Tem noção? Minha mãe chorou só de imaginar a minha entrada. Já tô até vendo. Vou ter que me controlar... Já me disseram que o truque é colocar a língua no céu da boca. Sei não...

Tô esperando agora pra marcar a reunião com o DJ e a cerimonialista. Não vejo a hora. Até lá tenho que ter resolvido as músicas da cerimônia, da nossa entrada e da abertura da pista, bem como aquelas que faço questão de ouvir durante a festa. Meu problema é que queria contratar uma orquestra de cordas (trio ou quarteto), mas tenho achado meio caro. Tô pensando muito nisso ainda. Aceito sugestões e indicações :):):)

Enquanto isso, já fechei o RSVP (Comunique). Achei o preço razoável e o atendimento muito legal. Com isso, também já aprovei o convite, que deve ir pra gráfica até o fim da semana (faltava corrigir um errinho na última prova). Fechei os noivinhos mesmo com a Paty Art (já até fiz o depósito) e vou encontrar a Tânia Tanner pra ver o bouquet na semana que vem.

Ah! Também já defini os trajes dos padrinhos e do meu pai na loja Só a Rigor. Achei o atendimento normal, nada de mais. Os preços também não foram nada fora do comum. Escolhi a Só a Rigor por indicações, mas principalmente porque é uma loja com filial em Belo Horizonte, o que é fundamental pra mim, considerando que 2 padrinhos são de lá e meu pai também. Portanto, aos padrinhos leitores do blog e ao meu pai (que eu sei que passa aqui de vez em quando), podem se dirigir a loja Só a Rigor mais perto de vocês. Basta dar o nome dos noivos e o traje escolhido para você estará lá totalmente disponível.

Ufa! Meus preparativos tão bombando!!! Depois eu volto pra falar do chá de "barnela" e de nossa primeira grande aquisição pra casinha!

As dicas de hoje, então:
Comunique RSVP: 3344-3999
Convites Vilsom: 2252-5546
Paty Art: 3464-1585
Tânia Tanner: 3904-8408
Só a Rigor: 2421.1578 (Via Parque Shopping) / (31) 3222.5805 (Belo Horizonte)

12 de agosto de 2008

Tirando as medidas!

Semana passada me despenquei até Campo Grande para tirar as medidas do vestido. Com minha cunhada barriguda a tira-colo (ela tá grávida de 5 meses), cheguei lá às 16h e só saí às 18h. Mas por que tanta demora?

Na loja que estou fazendo o vestido tenho uma "estilista". Nesta visita tivemos que definir cada mínimo detalhe, pois ela vai cortar o tecido. Redesenhamos todo o modelo e olhamos com cuidado cada dobrinha, cada pedacinho, o decote, os arremates, o caimento da saia, a altura do busto, a altura do zíper, enfim...

Ela me mostrou a renda que já está lá todinha só pra mim. Decidimos como vai ser o bordado e que tipos de pedras serão usadas. Terei até svairovski (hehehe). Aproveitei pra dar uma olhadinha nas grinaldas e já gostei de algumas.

Estava um pouco nervosa. Mas acho que a ficha só vai cair mesmo no fim do mês, quando faço a primeira prova do vestido - sem bordados nem nada. Só ele mesmo.

Gostei muito de tudo e continuo indicando a Helena, da Id Marriê pro vestido da noiva. Os preços pra madrinha são salgados, mas pra noiva vale a pena.

Bom, é isso!

10 de agosto de 2008

O bolo!


Semana passada eu e mommys fomos no Lajedo definir os detalhes. Já estava super ansiosa pra esse dia chegar. Marcamos às 10h da manhã e lá estávamos com um pequenino atraso (Vargem Pequena é ligeiramente distante - hehe).

Primeiramente definimos a cor da festa. À princípio eu queria tudo amarelo e laranja, porém resolvi mudar para amarelo e marfim, pois fica mais chique para um casamento à noite. Todos adoraram e assim ficou. Quanto à decoração da cerimônia, escolhemos chuva de prata no chão, ao longo do tapete vermelho. Entre os convidados também teremos velas grandes alternadas. Ficou muito lindo. No altar, um arranjo de flores (não me lembro qual) e um trio de velas. Simples e perfeito!

Passamos então para a decoração da festa. Mudamos as toalhas amarelas por marfim e os arranjos baixos por altos e baixos. Sendo assim, serão 10 mesas com o trio de copinhos (baixo) com mini buquês de gérberas, margaridas; e 10 meses com arranjos altos de buquês iguais aos baixos. Pra quem acha que noiva encarece o casamento, ainda não conheceu minha mãe. Pra mim, eu tava muito feliz com essa decoração. Mas mommys tinha que incrementar... Todas as mesas terão então um trio de velas nos copinhos. Lindíssimo - adorei. Também incluímos dois conjuntos de lounges brancos na pista de dança. Mas esse extra foi uma super sacada da minha super-promotora Danielle. Ela inclui os lounges brancos e tirou a decoração dos que eu já tinha de madeira. Com isso, esse valor virou um desconto nos dois novos. Ficou baratinho!!!

Conversamos também sobre as mesas de doces, chá e bem casados. Pensamos em como organizar minhas lembrancinhas e finalmente passamos pra parte que eu mais queria: o bolo!!!

Meu bolo vai ser tudo de bom. Todo branquinho, com três andares. O primeiro é quadrado, com um laço sobre ele e decorado com mini flores (de pasta) branquinhas. O segundo também é quadrado, mas em outra posição, com risquinhos verticais. O primeiro é redondo, decorado com corações (de pasta) branquinhos. E o mais importante: o recheio!!! São dois sabores irresistíveis: doce de leite e chocolate com avelã. Uaaaaaaaaaaau. Vou congelar um pedaço pra comer quando fizer 1 aninho de casadinha (hehehe). No topo teremos um casal de noivinhos que estou encomendando com a Paty Art.

Bom, é isso! As coisas estão correndo agora. Falta pouco, muito pouco...

2 de agosto de 2008

A cozinha "gourmet"

Nosso grande sonho sempre foi ter uma cozinha daquelas interligadas à sala, antiga cozinha americana, hoje chamada de cozinha gourmet. Nosso apartamento não tinha e incialmente pensamos ser impossível fazer uma. No entanto, como já disse anteriormente, o noivo tem uma ótima visão estética e sabe decorar como ninguém. Em uma manhã de sábado sozinho em casa ele pegou meia dúzia de jornais, espalhou pelo chão e grudou nas paredes e, após uma e outra tentativa, concluiu que nosso sonho era possível.

Basicamente, ele reformulou toda a sala, definimos um novo local pro sofá, pra TV, enfim, tudo diferente. Na mesma semana chamei o pedreiro e quebramos o buraco na parede. Deu até frio na barriga. Ficou perfeito.

Ontem de manhã o que era apenas um buraco se tornou minha cozinha "gourmet" de verdade. O marceneiro instalou a bancada de madeirinha e o acabamento com spots no alto. Está lindo d+!!!
Minha casa tá com cara de casa mesmo. Fiquei impressionada, de verdade. Às vezes olho em volta, ainda imaginando quando a gente terminar de colocar os móveis, as cortinas e os objetos de decoração, e fico boba de pensar que estamos fazendo tudo sozinhos, da nossa cabeça. Claro que sempre vai alguém da família dar opinião, mas em geral a galera curte nossas idéias. Tô muito orgulhosa de nós dois e da nossa disposição pra transformar nossa casinha em nosso lar, com um toque de Chris e Bernardo.
Além da cozinha, comprei os varões da cortina e da cabeceira da nossa cama. Varão pra cabeceira? Isso mesmo, mas depois coloco as fotos quando ficar prontinho. Em breve isso aqui vai ter fotos da casa toda e do enxoval que ainda nao coloquei nada. Em breve!
Hoje fui tirar as medidas pro vestido, mas isso é assunto pra depois......

31 de julho de 2008

A máquina de lavar

Ontem, assim, de repente, chegou minha máquina de lavar. Muita sorte, pois estava em casa por acaso, só esperava que ela chegasse lá pra meados de agosto. Enfim, ela é liiiiiiiiiiiiiiinda! Toda digital, super chique e vem com instruções de lavagem para cada tipo de roupa e cada tipo de sujeira. Isso no próprio painel mesmo. ADOREI! Perfeitinha. Presente de nossa tia-madrinha Duda. THANK YOU!!!

Cada presente que a gente ganha, cada coisinha que chega aqui em casa, é um motivo imenso de alegria pra nós. Não só pelo presente em si, mas pelo gesto carinhoso das pessoas que fazem questão de presentear a gente com algo pra nossa casa. É aquela sensação que já comentei de que o mundo parece que parou e todos pensam no nosso casamento e torcem juntos por nós. Todos querem participar um pouquinho desse momento especial.

Nossa casinha está a um passo de ficar pronta. Pintamos a sala. Inicialmente tomamos um susto com a cor. Compramos Vanila da Suvinil e imaginamos algo meio creme, um tom clarinho. Qual não foi nossa surpresa quando vimos nossas paredes amarelinhas. Não era exatamente o que queríamos. No entanto, o noivo, que tem uma visão estética e de decoração muuuuiiiiito melhor que a minha, fez alterações em nosso projeto original e agora tá perfeito. Antes iríamos pintar tudo de vanila e duas paredes de chocolate. Mantemos tudo de vanila e trocamos o chocolate pelo branco. Ficou tudo de bom. Agora estou dando os toques finais em rodapés, portas, rejuntes, essas coisinhas. Amanhã o Sr. Paulo (nosso marceneiro) vem instalar a bancada da cozinha americana.

Quanto ao casório em si, vou sexta-feira tirar as medidas do vestido - FINALMENTE. Já estava angustiada por não ter dado início à produção do vestido. Mas depois de sexta fico mais tranquila (ou não). Além disso, comecei a produção das lembracinhas. Minha sogra e minha cunhada estão me ajudando e já fizemos quase 100. Quando tiver pronto falo o que é e coloco as fotos.

Bom, é isso!

20 de julho de 2008

Os convites!!!


Agora sim vou ter uma festa! Estamos desde Janeiro planejando, pensando, sonhando e pagando o grande evento que só vai acontecer em Outubro. Mas foi sexta-feira, às 16h que eu tive a certeza de tudo.

Escolher e definir os detalhes do convite foi mais emocionante que a visita ao cartório. Infelizmente o noivo não pôde ir comigo - working a lot... Peguei o metrô Barra (aquele ônibus gelado), troquei para o metrô de verdade na Siqueira Campos e desci na Uruguaiana. Um calor absurdo! A Convites Vilsom fica na Gonçalves Dias, facinho de chegar. Já tínhamos resolvido o modelo na Expo Noivas no Riocentro. Chegando lá, me encantei com um outro e resolvi arriscar. Defini tudo, paguei e tirei fotos no celular pra mostrar pro noivo. Sabia que ele ia adorar! E de fato ele ficou super satisfeito. Agora tô esperando eles me mandarem a arte pra gente liberar pra gráfica. Eles dizem que em 10 dias fica pronto. Como não tenho pressa, pra mim tá tudo ótimo!

Na sexta mesmo fomos ver o sofá na Rio Decor da Barra. Adoramos dois modelos. Agora temos que decidir. Um é bem mais caro, mas também é muito mais bonito e os assentos viram chaises. O outro é simples e muito bonito também, mas o preço é tentador!


No sábado fomos encontrar o Reverendo Eduardo. Conversamos bastante e ele já nos passou a papelada pra levar no Cartório. Parece que só esse cartório da Barra que exije papelada da Igreja. Fomos muito sortudos..... Tomara que pelo menos eles deixem eu mudar meu nome do meu jeito. Fingers crossed!!!


Ontem foi dia de pintura!!! Finalizamos o teto e a sanca da sala. Essa semana vamos terminar de lixar e aproveitar minhas férias pra pintar as paredes. E aí....... Bom, e aí acaba!!!! Nem acredito. Tô até tensa. hehehe. Minha casinha vai ficar prontinhaaaaaa.


Pra fechar com chave de ouro, minha tia-madrinha Duda me ligou dizendo que comprou nossa máquina de lavar roupa. Agora sim temos casa, comida e roupa lavada. hehehehe.


Tá chegando.....


Fica então a dica para os convites e para os sofás:
Convites Vilsom: 2252-5546
Rio Decor Barra: Av. das Américas, 2000 (antigo Freeway)
Bellagio Decorações: 3154-9935
Movestante: 2408-0239 (não acho o site)


15 de julho de 2008

Pré-casados!!!

Demos então o primeiro passo oficial nessa jornada do casamento!!! Achei que ficaria emocionada e tal, mas foi tudo tão simples, tão normal, sei lá. A menina do cartório era uma simpatia e foi bastante agradável. Stress mesmo só no dia anterior, pois não encontrava meus documentos, que na mudança com mommys tinham ficado na minha casinha. Por sorte, o noivo teve paciência de procurar e sorte de encontrar. Somos o primeiro casal a ter 3 testemunhas: a super madrinha Gorete, a irmã do noivo Cristina, e o nosso sobrinho-afilhado Davi, ainda na barriga da Cris. Foi tudo tranquilo. Pedi pra mudar meu nome: quero acrescentar o sobrenome da mãe do meu noivo. Vamos ver se rola. Triste foi a quantia que deixamos por lá: R$330 (incluindo autenticações e firmas).

Pra quem tá nessa fase, segue a documentação:
Os noivos devem levar: RG / CPF / Certidão de Nascimento / Comprovante de residência
As 2 testemunhas devem levar: RG e CPF
Tudo isso foi na quinta-feira, dia 10, quando faltavam exatamente 100 dias para o nosso Casório! Emocionante!!!
Antes disso, tomei um chá de cadeira esperando a montagem do armário. Mas valeu a pena esperar cada segundo! Nosso armário tá lindo. Perfeito. Parece novo. Pintamos por dentro e o trabalho feito por fora ficou de primeiríssima qualidade. Ótima indicação da madrinha Gorete. Estamos mega satisfeitos. Dá até vontade de se mudar amanhã: geladeira, fogão, cama e armário... preciso de mais que isso?

No sábado, dia 12, foi casamento de uma noivinha especial. A festa foi perfeita. Tudo estava lindo. Ela estava muito nervosa, mas lindíssima, com um bouquet muito charmoso. A comida era deliciosa, o bolo perfeitinho, enfim, foi um sonho. A cerimônia foi realizada pelo Reverendo Eduardo e eu fiquei muito satisfeita e feliz de ter escolhido uma pessoa tão especial pra fazer meu casamento. Ele deu um tom muito pessoal a um momento que as pessoas acreditam ser chato e sempre igual. Foi emocionante.

De resto, iniciamos a lista na Tok & Stok, mas ainda não tá pronta. Toda hora troco alguma coisa (hehe). Nas férias vou ver bouquet, convite e tirar as medidas do vestido. Enquanto isso, me divirto na Internet procurando penteados e idéias de lembrancinhas diferentes. Alguém tem alguma sugestão?

6 de julho de 2008

Falta pouco

Todos sabem que estamos reformando a casa sozinhos, I mean, sem a ajuda de um pintor. Aquilo que não damos conta de fazer, apelamos pra ajuda profissional. Já contamos com a presença do gesseiro, que fez a sanca da sala e dos corredores; depois foi o carinha instalar a porta camarão no escritório; Tião, nosso pedreiro, também esteve lá em casa quebrando a parede da cozinha pra criarmos um singelo bar aberto para a sala; e, mais recentemente, chamamos um marceneiro pra reformar o antigo armário de mommy, que agora será nosso.

Há alguns meses, falei um pouco sobre como tinha sido importante desmontar meu armário de solteira. Queria tudo novinho em folha. No entanto, o noivo insistiu que a gente devia manter o armário embutido de mommy e reformá-lo pra nós dois. Concordei, né. O tal armário, até semana passada servia apenas pra guardar o enxoval. Mas o marceneiro chegou, deu um bom preço e, em poucas horas eu já tinha mudado tudo de lugar. No dia seguinte, as portas foram levadas e amanhã elas chegam novinhas em folha. Nesse meio tempo, pintamos o interior do armário com tinta branca de parede (indicação do entendido) e ficou lindo. Agora, tô aqui contando as horas pra ver tudo pronto.

Com isso, nosso quartinho fica prontinho. Faltando apenas a cortina e a cabeceira da cama, que serão compradas em breve na Leroy Merlin. Já vimos e escolhemos tudinho. Depois coloco foto do quarto prontinho.

O quarto azul também foi finalizado. Na verdade, eu ainda tenho que pintar o rodapé, mas isso não leva nem 1 hora. O armário, a cômoda e a persiana serão os que eu tenho no quartinho na cas de mommys. Tudo já foi comprado pensando exatamente em ser trazido pra cá.

Fica faltando mesmo apenas a sala, pra qual já compramos uma lata de tinta com a cor clara que vamos usar: Vanilla da Suvinil. Ainda não decidimos a combinação com a cor mais escura. Além disso, amanhã combino com o Sr. Paulo (Marceneiro) de começar a fazer a bancada do bar.

Ufa! Falta pouco.

Amanhã volto com notícias do armário...

29 de junho de 2008

O fogão chegou!!!

Parece que o tempo tá correndo! Falta tanto e tão pouco...

Bom, esse mês será repleto de coisinhas casamentícias. Começamos ontem indo ao Casório de Aline e Paulo. Já conheço Aline há muuuuiiito tempo. Estudamos no mesmo colégio, jogamos vôlei juntas, nos reencontramos dando aula em um curso de inglês e depois indiquei ela pra trabalhar onde a gente trabalha agora. Aline teve uma festa lindíssima, ao ar livre, com bênção católica e direito a choro da noiva. O casal está de partida pro Canadá, mas tenho certeza de que eles não vão se esquecer da galerinha daqui. Então, desejamos muito amor e muita paz aos noivos e que voltem sempre pra visitar a gente.

O único porém da festa foi o frio, mas de resto, foi tudo lindo. Adorei uns docinhos dentro de um potinho, maravilhosos. Tinha vinho tinto tb, o que me manteve quente a noite toda. No final ainda tivemos bateria de escola de samba. Uma graça.

No dia 12 temos outro casório pra ir. Será na Igreja Anglicana, à tarde. Amo essa noivinha de paixão mesmo. Grande amiga de longa data que merece ser feliz até não poder mais. Uma pessoa única e sensacional. Estou ansiosa!!! Quem vai celebrar o casamento dela é o nosso amigo Reverendo Eduardo. Vai ser legal ver uma cerimônia dele antes da minha mesmo.

Semana que vem vamos ao cartório dar entrada na papelada. Ai que frio na barriga...

Sábado de tarde chegou nosso fogão!!!! Nossa querida madrinha tia Ana e o padrinho Teomir mandaram um fogão lindo de inox da Bosch pra gente. Perfeitinho! THANKS A MILLION!!!! Agora já podemos até nos mudar: geladeira, fogão e cama já estão em seus devidos lugares. Aos poucos nossa casinha começa a tomar jeito de casinha mesmo. Tá ficando tudo tão lindão....

Bom, é isso!
p.s.: o nosso fogão é o de inox da foto.

23 de junho de 2008

Mais sobre o vestido

Sumi, mas voltei. Andei meio enrolada no trabalho... Ossos do ofício... Mas agora tudo vai melhorar, afinal o semestre está chegando ao fim. Thank God!!!

Mas, vamos ao que interessa. Esse sábado fui visitar minha estilista (sou chique, né, bem). Após dar a volta ao mundo pra chegar em Campo Grande. Fiz o caminho mais longo possível, um policial achou que podia me multar, me stressei, chorei (óbvio), mas enfim cheguei no ateliê da Helena.

Levei as fotos do vestido e ela resolveu mudar vários detalhes. Alguns tecidos previamente definidos foram alterados, o decote ficou mais claro e agora exatamente como na foto, as costas também estão como eu queria. Não posso falar muito, pois desconfio que o noivo de vez em quando passe por aqui. Enfim, meu vestido agora vai ficar exatamente como eu vi na foto e do jeito que eu quero.



Pensei que fosse tirar as medidas, mas ela disse que do jeito que eu tô emagrecendo, não valeria a pena. Sendo assim, combinamos de deixar mais pro fim de julho que é o máximo que ela pode esperar pra cortar os panos e começar. Dali em diante ela ainda aperta, mas o ideal é não emagrecer mais tanto assim. Enfim... Fiquei feliz por ela me garantir o véu e a grinalda dentro do valor que já tô pagando. Um alívio. Sem contar que se eu quiser jóias ela tb me empresta.

Saí de lá bastante satisfeita, mas um pouco chateada por não ter tirado as medidas. Mas entendi e foi por uma boa causa. Perguntei pra ela sobre o sapato e ela me aconselhou a comprar uma sandália branquinha, pois o estilo do meu casamento e do meu vestido permitem que eu use sandália abertinha. Fiquei mega feliz, pois tenho uma sandália linda branquinha que o noivo me deu já há algum tempo. Talvez eu coloque apenas umas pedrinhas a mais pra aumentar o brilho, mas acho que vai ficar perfeita.

Acho que a partir de agora terei mais novidades do casório, pois entrei na reta final, agora falta pouco e tenho que definir os detalhes e tudo que falta. Em breve vamos ao cartório dar entrada.

Quanto à casinha, terminamos o nosso quarto todinho, inclusive o rodapé. Falta apenas limpar o chão e pintar o rejunte de branquinho. Além disso, estamos aguardando o marceneiro finalizar a reforma do armário. Hoje colocamos a cama no lugar dela e tivemos uma boa noção do espaço. Já tivemos novas idéais, mas tudo bem aos pouquinhos...

Bom, acho que é isso!